Mais de quatro armas

O decreto assinado por Jair Bolsonaro abre brecha para que o cidadão possa ter mais do que quatro armas de fogo, “se presentes outros fatos e circunstâncias que a justifiquem”. 


O antagonista 

Comentários